Mantendo a boa fase das ultimas 3 competições que disputou,com uma campanha invicta o técnico Vander Felipe , conquistou pela sexta vez o campeonato mineiro individual.

Disputado por 32 botonistas divididos em 5 grupos, os 3 melhores de cada grupo e o melhor quarto colocado , passavam para a segunda fase.

Após a primeira fase os 16 classificados foram Vander , Paulo Marcos, Duguet , Stumpf , Marcus , Tiago, Bruno Gil , Gustavo , Felipe , Rafael , Eduardo , Henrique , Damazio , Igor , Paulo Ricardo e Carlos Henrique.

Na segunda fase Vander derrotou a Eduardo por 5 a 2, Duguet derrotou Felipe por 6 a 1 , Thiago fez 4 a 0 no Marcus, Brunno Gill empatou em 1 a 1 com o  Gustavo , Henrique derrotou a Carlos Henrique por 3 a 1, Igor empatou em 1 a 1 com Rafael mesmo placar de Paulo Marcos e Julio Celio,e finalmente Stumpf goleou a Damazio por 4 a 0.

Na terceira fase Vander venceu Henrique por 2 a 0, Stumpf goleou a Tiago por 5 a 1, Paulo Marcos derrotou a Igor por 2 a 0 ,e Duguet venceu Brunno Gill por 1 a 0.

Nas semi-finais dois grandes clássicos , de um lado os dois maiores vencedores do campeonato mineiro Stumpf contra Vander, já na outra mesa dois botonistas em busca do seu primeiro caneco mineiro, Leo Duguet e Paulo Marcos, por trás a velha rivalidade entre Tupy e Grêmio.

No fim os botonistas gremistas, confirmaram as melhores campanhas derrotando seus adversários com os placares de Vander 3 a 2 , e Duguet 1 a 0, chegando pela primeira vez juntos a uma final de mineiro.

Com aproveitamento de 100%, Vander enfrentaria a Leo Duguet com a vantagem do empate, por ter melhor campanha.

Jogando com tranquilidade e calma Vander abriu 2 a 0 , com menos de 10 minutos, porém ainda no primeiro tempo Duguet diminuiu o placar.

No segundo tempo Vander continuava jogando com calma esperando o tempo passar , enquanto Duguet corria em busca do empate , empate este que chegou a 5 minutos do fim.

Daí pra frente foi um jogo de estratégia com Vander usando o ataque como proteção, e Duguet correndo atrás da bola , no fim uma roubada do Duguet quase mudou a história da final, sem nenhum botão na defesa pra cortar a bola, Vander teve que tirar o ultimo coelho da cartola, e com uma tirada de bola muito difícil e uma proteção perfeita , manteve a posse de bola até a 18ª palhetada.

No fim o titulo ficou com Vander, mas os dois finalistas terminaram a competição de forma invicta , repetindo o feito do mineiro de clubes conquistado a menos de dois meses, realmente foi um 1º semestre magico para os botonistas gremistas.

Veja a classificação final:

CLASSIFICAÇÃO GERAL

PG

PP

SG

V

E

D

GP

GC

J

%

Vander

25

2

21

8

1

0

30

9

9

92,6%

Leo Duguet

23

4

13

7

2

0

20

7

9

85,2%

Paulo Marcos

17

7

10

5

2

1

13

3

8

70,8%

Leo Stumpf

16

8

14

5

1

2

23

9

8

66,7%

Thiago Stephan

13

8

7

4

1

2

17

10

7

61,9%

Igor Guarilha

15

9

8

4

3

1

14

6

8

62,5%

Brunno Gill

14

10

8

4

2

2

13

5

8

58,3%

Henrique Madeira

10

11

0

3

1

3

9

9

7

47,6%

Carlos Henrique

15

6

8

5

0

2

13

5

7

71,4%

10º

Gustavo Heavy

11

7

4

3

2

1

8

4

6

61,1%

11º

Marcos Damázio

13

8

0

4

1

2

9

9

7

61,9%

12º

Rafael Pena

8

10

0

2

2

2

10

10

6

44,4%

13º

Marcus

11

10

0

3

2

2

12

12

7

52,4%

14º

Júlio Célio

7

11

0

2

1

3

5

5

6

38,9%

15º

Felipe Gomes

7

11

-7

2

1

3

7

14

6

38,9%

16º

Eduardo Guerra

9

12

-9

3

0

4

9

18

7

42,9%

Leco

16

11

6

5

1

3

15

9

9

59,3%

Bernardo

11

13

5

3

2

3

13

8

8

45,8%

Paulo Ricardo

7

14

-6

2

1

4

5

11

7

33,3%

Jorge Dias

7

14

-8

2

1

4

5

13

7

33,3%

Armando

6

12

-1

1

3

2

6

7

6

33,3%

Breno Castilho

9

12

-1

2

3

2

9

10

7

42,9%

Alex Lage

8

13

-5

2

2

3

10

15

7

38,1%

José Pires

7

14

-1

2

1

4

4

5

7

33,3%

Pablo

7

11

-1

2

1

3

13

14

6

38,9%

10º

Rodolfo Magalhães

4

11

-8

1

1

3

4

12

5

26,7%

11º

Fernando Vianna

3

12

-8

1

0

4

2

10

5

20,0%

12º

Fred Borja

1

14

-6

0

1

4

0

6

5

6,7%

13º

Lucas Luna

4

14

-8

1

1

4

5

13

6

22,2%

14º

Rodrigo Tuba

1

14

-14

0

1

4

2

16

5

6,7%

15º

Adelmo

1

17

-10

0

1

5

4

14

6

5,6%

16º

Jefferson Boaventura

0

18

-11

0

0

6

6

17

6

0,0%