Matéria reproduzida a partir do site da FEFUMERJ: http://www.fefumerj.com.br/viii-copa-sul-americana-de-futebol-de-mesa-resenha/

A VIII Copa Sul-americana de Futebol de Mesa foi realizada entre os dias 13, 14 e 15 de outubro de 2017 na cidade turística Santa Rosa de Calamuchita, na Argentina, província de Córdoba.

Estiveram presentes atletas argentinos, brasileiros e chilenos. O destaque individual foi Marco António Galindo do Cabami (Chile) que esteve presente no pódio de três modalidades (Bola 12 Toques, Sectorball e Chapas). Nas competições entre seleções o Brasil conquistou o título em três modalidades (Bola 12 Toques, Sctorball e Chapas) e a equipe do AS Rosario conquistou o título em duas modalidades (Subbuteo e Chapas).

No primeiro dia do torneio tivemos a estreia das modalidades Sectorball e Chapas Internacional nas competições Sul-Americanas. O Brasil foi muito bem, vencendo todas as séries da modalidade Sectorball e duas no Futebol de Chapas Internacional.

O Brasil continua soberano na modalidade Bola 12 Toques vencendo todas as competições até hoje realizadas. No Subbuteo, entretanto, os argentinos empataram no número de conquistas na disputa entre seleções. Na competiçoes por equipes os argentinos do AS Rosario também empataram com mais uma conquista. Na competição por equipes o italo-chileno Flavio Riccomagno garantiu o bicampeonato.

VIII Sul-Americano Seleções Interclubes Individual
Bola 12 Toques 1º  Brasil (BR) 1º  Palmeiras (BR) 1º  Jefferson Genta – Palmeiras (BR)
  Argentina (AR) XV de Agosto (BR) Marco Galindo – Cabami (CH)
      Vasco da Gama (BR) Thiago Rocco – XV Novembro (BR)
      AS Rosário (AR) Flávio Riccomagno – Cabami (CH)
Subbuteo Argentina (AR) AS Rosário (AR) Flávio Riccomagno – Cabami (CH)
  Brasil (BR) Vasco da Gama (BR) Claudio Murcilli – Rosario (AR)
          Nico Lioy – Rosario (AR)
          Victor Heremann – Vasco (BR)
Sectorball Brasil (BR)  Vasco da Gama (BR) Marcelo Lages – Vasco (BR) 
  Chile (CH) Cabami (CH) Abel Cepa – Bangu (BR)
  Argentina (AR) AS Rosario (AR) Marco Galindo – Cabami (CH)
          Claudio Murcilli – Rosario (AR)
Chapas Brasil (BR) AS Rosario (AR) Abel Cepa – Bangu (BR)
  Chile (CH) San Justo (AR) Marco Galindo – Cabami (CH)
  Argentina (AR) Palmeiras (BR) Gonzalo Gómez – Rosario (AR)
             

Nota da CBFM: Foi ainda realizado o Abierto Internacional de Tapas Chilenas, sem validade como Sul-Americano, que apresentou o seguinte pódio

Abel Cepa – Bangu (BR)
Marco Galindo – Cabami (CH)
Flávio Riccomagno – Cabami (CH)
Mariano Di Luozzo – San Justo (AR)