Foi realizado nos dias 1, 2 e 3 de maio de 2015 o XXXV Campeonato Brasileiro Interclubes de Futebol de Mesa da Modalidade Bola 3 Toques, que foi realizado na cidade de Juiz de Fora (MG). O evento contou com a participação de 13 clubes que foram divididos em 2 grupos, sendo um com 7 equipes (Grupo-A: Tupi-A, América, Liberdade-A, AABB-B, Casa de Portugal, Futrica e Gremio-B) e outro com 6 equipes (Grupo-B: AABB-A, Gremio-A, Liberdade-B, Clube 500, Ginástico e Tupi-B).

Após se enfrentarem dentro do grupo, classificaram-se as 4 melhores colocadas de cada grupo para a segunda fase, na qual formaram-se os grupos abaixo:

GRUPO-C:
1° G-A = AMÉRICA**
4° G-A = LIBERDADE-A
2° G-B = GINÁSTICO
3° G-B = GREMIO-A

GRUPO-D:
1° G-B = AABB-A**
4° G-B = LIBERDADE-B
2° G-A = TUPI-A
3° G-A = AABB-B

Os campeões dos grupos da primeira fase ganharam 1 ponto de bonificação para a segunda fase e após novos confrontos dentro dos grupos, os jogos das semi-finais foram:

(1° G-C) AMÉRICA 1×1 AABB-A (2° G-D) – América classificado
(1° G-D) TUPI-A 2×0 LIBERDADE-A (2° G-C) – Tupi-A classificado

Com a vitória nas semi-finais o Tupi-A levaria a vantagem do empate na grande final, o que dificultaria bastante a tarefa do América.

Na reunião para definir a escalação para a grande final, apenas Castilho e Beto estavam garantidos, para as outras 2 vagas haviam algumas dúvidas, pois José Luis fazia um campeonato perfeito com 5 vitórias, 2 empates e apenas 1 derrota, Aranha havia jogado apenas 3 jogos com 1 vitória, 1 empate e 1 derrota, Emerson não estava bem nos 2 dias anteriores, mas na semi-final venceu seu jogo e colocou o América na final.

Enfim, o momento e os números indicavam como certa a presença de José Luis, ficando a dúvida entre Emerson e Aranha. Após alguns argumentos por parte de todos baseados no conhecimento de cada um, definimos surpreender a todos e entramos com Emerson e Aranha, deixando José Luis no suporte junto com Antonio Ribeiro.
Mesmo jogando contra o gigante Tupi, vencedor de 4 dos últimos 6 campeonatos brasileiros, dentro dos seus domínios e com a desvantagem do empate, o América fez uma partida impecável e venceu pelo placar de 2×0 sagrando-se Tricampeão Brasileiro Interclubes.

Na virada do primeiro para o segundo tempo o América conseguia o que ninguém poderia imaginar, ou seja, já vencia nas 4 mesas.

Depois de um intervalo repleto de ansiedade, o segundo tempo começou e foi passando muito rápido, com isso a vantagem foi aumentando e o título se aproximava cada vez mais. Faltando 2 minutos e mais os acréscimos de cada jogo para o final da partida, o alvi-rubro continuava vencendo as 4 mesas quando Paulo Marcos empatou o jogo com Beto e em seguida, nos últimos lances, Carlos Henrique empatou seu jogo com o Aranha. Castilho e Emerson já haviam garantido suas vitórias e os resultados finais ficaram:

Castilho 1×0 Stumpf
Emerson 4×0 Marcus
Aranha 1×1 Carlos Henrique
Beto 1×1 Paulo Marcos

Merecem os parabéns todos os organizadores e colaboradores do evento, tivemos durante 3 dias um ambiente excelente dentro de um local agradabilíssimo com amplo espaço para a prática da modalidade, além das confraternizações pós jogo com aquela resenha saudável, super humorada e acompanhada dos mais saborosos pratos da cozinha Mineira.